Casa Sueli Carneiro
Visita ao acervo Sueli Carneiro
Programação

Visita ao acervo Sueli Carneiro

18 de junhio
10 às 17h

Enquanto a Casa Sueli Carneiro reforma sua sede, o acervo pessoal de Sueli está sendo organizado por uma equipe de profissionais para que em breve esteja disponível ao público. Por isso, como parte do Festival, nossa equipe preparou uma pequena exposição com itens do acervo e estará disponível para explicar o trabalho em andamento. Essa mostra também faz parte da Semana Nacional de Arquivos. Na Casa do Povo, dia 18 de junho, das 10 às 17h.

A intelectualidade, o ativismo e a vida comum vivem intensamente e interligadas na pessoa de Sueli Carneiro. Mulher negra de diálogos plurais, Sueli é um expoente dos movimentos negros e o levante das vozes que tentam ser abafadas. Fundadora do Geledés — Instituto da Mulher Negra, autora de livros como “Escrito de uma vida” e “Racismo, sexismo e desigualdade no Brasil”, e eleita Personalidade Literária do Ano de 2022 pelo Prêmio Jabuti, Sueli Carneiro é um ecoar do feminismo negro nos âmbitos nacional e internacional.

No final da 2021, o acervo pessoal de Sueli Carneiro foi acolhido pela Casa do Povo, onde está recebendo tratamento técnico para então retornar para a Casa Sueli Carneiro, uma instituição fundada com o propósito de articular seu pensamento ativista-intelectual em expressões e linguagens negras de continuidade de memória e resistência. O acervo de Sueli Carneiro mostra a vida de uma liderança negra que luta por políticas reparatórias para pessoas negras no Brasil. Entre cartas, escritos, fotografias, noticiários, entrevistas e outras tantas espécies documentais, o acervo apresenta uma mulher que está sempre ao lado da família e da militância pelos direitos humanos.

Mostrar os documentos de seu acervo, é também uma reflexão sobre as ausências negras na Biblioteca e no Arquivo da Casa do Povo. Os documentos dessa intelectual são uma forma de revisitar e reinventar as noções de cultura, comunidade e memória da própria Casa do Povo. A união entre essas Casas (Sueli Carneiro e Casa do Povo) não acontece apenas pelo acervo acolhido, mas também pelos propósitos antirracistas, o pensamento crítico e a possibilidade de promover encontros como parte do processo de transformação social.

Informações:

Dia: 18 de junho
Local: Casa do Povo
Endereço: Rua Três Rios, 252 – Bom Retiro, São Paulo – SP
Gratuito

SOBRE O FESTIVAL

No dia 24 de junho, uma das mais importantes intelectuais do Brasil completa 72 anos: a filósofa e ativista dos Direitos Humanos, contra o racismo e o sexismo Sueli Carneiro. Por isso, a instituição que leva seu nome e funciona no imóvel onde ela residiu por 40 anos realiza nesse mês o 1º Festival Casa Sueli Carneiro. É uma grande celebração que traz ao longo de junho uma série de leituras, debates, lançamentos, shows e homenagens, tanto presenciais quanto online. São mais de 20 atividades culturais e artísticas que iluminam a produção intelectual das mulheres negras.

Compartilhar